Páginas

Pesquisar este blog

segunda-feira, 10 de julho de 2017

Crônica - Querida

É difícil entender como às vezes a vida pode ser tão cruel conosco, a ponto de colocar um ser humano no seu caminho que você não imaginaria se tornar tão especial e amado em tão pouco tempo. E esse ser não pode ficar. Ele sofreu. Quem me dera ter aparecido antes na vida desta pessoa e evitado que todo essa tristeza tivesse existido. Talvez nesses trilhos da vida, o meu coração não seja a estação certa. Já escuto a última chamada antes do trem partir...

("Caio Mendes")