Páginas

Pesquisar este blog

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

MINICONTO - Agitação

     A noite caía pesada sob os ombros do garoto, serena friagem que banhava seu corpo. Seus cabelos molhados balançavam ao passo que seu coração disparava mais e mais à proporção do aumento de sua velocidade. Ele não sabia do que estava correndo, apenas que a agitação era incontrolável. Urros, berros e grasnidos, seguindos de estampidos que chegavam a seus tímpanos. Sentiu então um toque aveludado nos ombros e uma onda de horror percorrer a espinha. Por um segundo, seu coração pareceu congelar. Seus olhos paralisaram-se de medo quando seu olhar se fixou no olhar de um homem sem rosto.